Wednesday, 12 November 2008

CorrosÃo

Ainda seremos por vidas o mesmo fruto
do que nos corrói na doce acidez que fere
entre a carne e a pele. Implosão inundada
de sentimentos, momentos passados e fatores
guardados pelo tempo devastando como lava
trazendo abaixo o nosso império corpo nas frias
mãos de nossa majestade o amor.

No comments: